Expresso Ouvidoria Fale Conosco
Governo do Estado de Mato Grosso

Notícias

Publicado em 14/05/12
Fonte: Assessoria de Imprensa - Detran-MT

Batalhão de Trânsito divulga ranking de infrações cometidas por motoclistas

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O Batalhão de Trânsito Urbano e Rodoviário de Mato Grosso divulga aqui a lista com as maiores infrações cometidas por motociclistas no período de janeiro a abril deste ano. Segundo o levantamento do Batalhão de Trânsito, dirigir o veiculo: sem possuir CNH ou permissão para dirigir foi a infração mais cometida nas ruas de Cuiabá, com 1.688 notificações. A infração é considerada gravíssima, gera 7 pontos na carteira, além do condutor ter de pagar R$ 574,62 pela multa.

De acordo com o comandante do Batalhão de Trânsito, Tenente Coronel PM Wilson Batista, diariamente homens do Batalhão realizam blitzes em diversas ruas de Cuiabá. Segundo ele, o motivo da forte fiscalização é por causa da grande quantidade de acidentes envolvendo motociclistas. “O objetivo da Operação Duas Rodas é para dar maior segurança aos condutores e fazer com que eles se conscientizem sobre as leis de trânsito”, explicou Batista.

O comandante também chama a atenção para outros três tipos de irregularidades que vem sendo cometidas pelos motociclistas. Segundo Wilson Batista, muitos motociclistas estão pilotando as motos com os faróis apagados. De acordo com o Código de Trânsito, o condutor leva 7 pontos na carteira, comete uma infração gravíssima e tem de pagar R$ 191,54 pela irregularidade. 

Outra infração apontada pelo comandante do Batalhão de Trânsito e que vem gerando trabalho para os policiais é que muitos condutores estão ameaçando os pedestres que estão atravessando determinada via pública. Quem cometer esse tipo de irregularidade leva 7 pontos na carteira, também é considerada infração gravíssima e ainda tem de pagar R$ 191,54 pela irregularidade.

O Tenente Coronel Wilson Batista ressalta que a ideia do Batalhão de Trânsito é trazer mais segurança para os motociclistas. “Nós queremos levar mais informações para os motociclistas durante a realização das blitzes. Nossa intenção é explicar que o condutor que anda correto sai mais em conta pra ele do que se ele estiver errado”, disse Batista. 

Wilson Batista lembrou que pode sair ainda mais caro para aqueles condutores que tem a moto como instrumento de trabalho. Ele explica que o condutor, dependendo da quantidade de multas, pode chegar aos 20 pontos e ter a CNH suspensa. 

O comandante disse que qualquer empresa que se interessar pode encaminhar seus funcionários para participarem dos cursos que são dados mensalmente, de forma gratuita, de direção defensiva de pilotagem de motocicleta. Outras informações pelo telefone (65) 3615-4817.





Arquivos

Indique esse link para um amigo.

Preencha com o seu e-mail (remetente) e o e-mail de destino para enviar essa página para um contato.

Observação: As informações desse formulário não serão armezenadas


Consultas

Consulte on-line multas, seguro obrigatório e licenciamento.

Consultar

Simulado Online Detranzinho Online Acesse a Escola de Governo

TV DETRAN



SINDCFC MT Unidades Detran RSS
DENATRAN Seguradora SEAP SEFAZ MT

2009-2014 © Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso. Todos os direitos reservados.
Av. Doutor Hélio Ribeiro, 1000 - Centro Político Administrativo - CEP: 78048-910 - Cuiabá/MT.
Telefone:(65) 3615-4694